Bandeira da África do Sul

Bandeira da África do Sul

Bandeira da África do Sul

Bandeira do Africa do Sul

A bandeira da África do Sul foi adotada em 27 de abril de 1994. Foi concebida por F. Brownell, Armeiro de Estado. Uma tentativa anterior de criar uma nova bandeira, pedindo sugestões ao público, não se revelou bem sucedida.

A atual bandeira revelou-se um excelente símbolo nacional, mesmo entre os sul-africanos de pele branca, cuja bandeira veio substituir, e pode ser hoje vista com regularidade em vários eventos desportivos e afins.

Composição e Conceito

A bandeira da Africa do Sul é composta de duas bandas horizontais de vermelho (topo) e azul, separadas por uma banda central na cor verde, que tem a forma de um Y  na horizontal, cujos braços terminam nos cantos do lado da tralha (região da bandeira onde esta se prende ao mastro). O Y delimita um triângulo isósceles preto, separado dele por listras amarelas estreitas. As bandas vermelha e azul estão separadas da área verde por listras brancas estreitas.

 

Significado das Cores e Símbolos da Bandeira da África do Sul

Referente as cores, a cor vermelha representa o sangue do povo, a cor azul representa o céu, o preto e o branco identificam as raças negra e branca, a cor verde representa as florestas e o amarelo é o ouro encontrado em seu território. A forma de um “Y na horizontal” da bandeira tem um significado simbólico muito importante, que é a representação de traços opostos que ao se cruzarem seguem o mesmo caminho. Considerando o fim do Apartheid (O Apartheid foi um sistema de segregação da população negra, que esteve em vigor entre os anos de 1948 e 1994, comandado pela minoria da população Branca na África do Sul) , o símbolo carrega a ideia de que brancos e negros, que eram diferentes e separados inicialmente, se unem para caminhar juntos.

 

Bandeira do Afeganistão

Bandeira do Afeganistão

Bandeira do Afeganistão

Bandeira do Afeganistão

A Bandeira do Afeganistão foi adotada pelo governo de transição em 2002. Esta bandeira é semelhante à usada durante a monarquia entre os anos de 1930 e 1973. A diferença está no shahada que nesta versão está exatamente no centro, enquanto que na versão antiga ocupava uma área maior na mesma posição.

Durante a era pré-Taliban, a Aliança do Norte usou uma bandeira com o mesmo emblema, mas com riscas horizontais verde, branca e preta.

Composição

A Bandeira é um retângulo com proporções de 1:2, dividida em três barras verticais de igual largura e de cores preta à tralha, vermelha ao centro e verde ao batente. No centro da barra vermelha, o símbolo tradicional do Afeganistão, com uma mesquita no centro.

Significado das Cores e Símbolos da Bandeira do Afeganistão

As cores representadas pela bandeira possuem um significado histórico para o Afeganistão, sendo que o preto se remete ao passado, o vermelho se refere a luta pela independência e o verde representa o progresso, a esperança de um futuro melhor.
No centro da faixa vermelha, o símbolo tradicional do Afeganistão, o emblema central é o clássico emblema do Afeganistão com a mesquita no centro com seu mirabe voltado para Meca.

Bandeira do Brasil

Bandeira do Brasil

Bandeira do Brasil

Bandeira do Brasil

A Bandeira do Brasil é composta por uma base verde em forma de retângulo, sobreposta por um losango amarelo e um círculo azul, no meio do qual está atravessada uma faixa branca com o lema nacional, em letras maiúsculas verdes. O Brasil adotou oficialmente este projeto para sua bandeira nacional em 19 de novembro de 1889, substituindo a bandeira do Império do Brasil.

O conceito da bandeira

O conceito foi criado por Raimundo Teixeira Mendes, com a colaboração de Miguel Lemos, Manuel Pereira Reis e Décio Villares. É um dos símbolos nacionais brasileiros, ao lado do Laço Nacional, do Selo Nacional, do Brasão de Armas e do Hino Nacional. O lema “Ordem e Progresso” é inspirado pelo lema do positivismo de Auguste Comte: O Amor por princípio e a Ordem por base; o Progresso por fim, versão traduzida do francês.

O campo verde e o losango dourado da bandeira imperial anterior foram preservados — o verde representava a Casa de Bragança de Pedro I, o primeiro imperador do Brasil, enquanto o ouro representava a Casa de Habsburgo de sua esposa, a imperatriz Maria Leopoldina. O círculo azul com 27 estrelas brancas de cinco pontas substituiu o brasão de armas do Império.

As Estrelas da Bandeiras do Brasil

As estrelas, cuja posição na bandeira refletem o céu visto na capital Rio de Janeiro em 15 de novembro de 1889, representam as unidades federativas — cada estrela representa um estado específico, além do Distrito Federal.